Trabalhadores da Latasa aprovam proposta de abono salarial

Assembleia aprovou por unanimidade proposta de R$ 1.000 de abono e aumento real

Escrito por: Guilherme Moura - Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba • Publicado em: 01/12/2017 - 12:05 Escrito por: Guilherme Moura - Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba Publicado em: 01/12/2017 - 12:05

Guilherme Moura

Os trabalhadores da Latasa, fábrica que atua na reciclagem do alumínio, aprovaram por unanimidade nessa quinta-feira, dia 30, a proposta da Campanha Salarial. Eles receberão um abono de R$ 1.000 no dia 15 de dezembro e um reajuste salarial de 2%, que inclui aumento real de salário. Todos os 230 funcionários serão contemplados.

Na terça-feira, a categoria havia reprovado a proposta da empresa que era de metade desse valor e ameaçado entrar em greve se não houvesse nova proposta.

De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba, mobilizações nessa semana também garantiram acordos em mais três empresas: Cosmetal, Oversound e Bontaz. Ao total, mais de 400 trabalhadores serão beneficiados com os acordos.

Segundo o presidente Herivelto Vela, as negociações de abono salarial apenas de uma semana irão injetar R$ 300 mil na economia do município.

“Temos conseguido aumento salarial, muitos acordos com abono, garantir os direitos específicos dos metalúrgicos e também proteções contra a reforma trabalhista. Continuamos com uma agenda intensa de mobilizações e o apoio do trabalhador tem sido fundamental para conseguirmos esses avanços”, disse.

A Cosmetal atua na laminação de ferro e corte e dobra de material, a Oversound na fabricação de alto-falantes e a Bontaz é da indústria de autopeças.

 

Título: Trabalhadores da Latasa aprovam proposta de abono salarial, Conteúdo: Os trabalhadores da Latasa, fábrica que atua na reciclagem do alumínio, aprovaram por unanimidade nessa quinta-feira, dia 30, a proposta da Campanha Salarial. Eles receberão um abono de R$ 1.000 no dia 15 de dezembro e um reajuste salarial de 2%, que inclui aumento real de salário. Todos os 230 funcionários serão contemplados. Na terça-feira, a categoria havia reprovado a proposta da empresa que era de metade desse valor e ameaçado entrar em greve se não houvesse nova proposta. De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba, mobilizações nessa semana também garantiram acordos em mais três empresas: Cosmetal, Oversound e Bontaz. Ao total, mais de 400 trabalhadores serão beneficiados com os acordos. Segundo o presidente Herivelto Vela, as negociações de abono salarial apenas de uma semana irão injetar R$ 300 mil na economia do município. “Temos conseguido aumento salarial, muitos acordos com abono, garantir os direitos específicos dos metalúrgicos e também proteções contra a reforma trabalhista. Continuamos com uma agenda intensa de mobilizações e o apoio do trabalhador tem sido fundamental para conseguirmos esses avanços”, disse. A Cosmetal atua na laminação de ferro e corte e dobra de material, a Oversound na fabricação de alto-falantes e a Bontaz é da indústria de autopeças.  



Informa CUT-SP

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.