São Paulo terá esquenta da greve geral nesta quarta (19)

Movimentos saem às ruas contras as reformas de Temer

Escrito por: Redação - CUT São Paulo • Publicado em: 18/04/2017 - 12:05 Escrito por: Redação - CUT São Paulo Publicado em: 18/04/2017 - 12:05

Arte: Maria/Secom CUT-SPArte: Maria/Secom CUT-SPNesta quarta-feira, 19 de abril, movimentos sindical e sociais realizam mais um ato contra os ataques aos direitos dos trabalhadores promovidas pelo governo de Michel Temer (PMDB) e sua base golpista no Congresso Nacional. A ação ocorrerá na Praça do Patriarca, com concentração a partir das 10h, no centro de São Paulo.

Organizado pelos movimentos que compõem a Frente Brasil Popular São Paulo – entre eles a CUT-SP-, o ato faz parte da agenda de mobilização e esquenta para a greve geral do próximo dia 28.

Pelo Brasil, diversas atividades estão ocorrendo neste mês, batizado de “Abril Vermelho”, em preparação à greve, quando todos os trabalhadores e trabalhadoras cruzarão os braços por 24 horas contra as reformas da Previdência e a trabalhista, além da terceirização sem limites.

Desde que o golpe foi consumado, no ano passado, os brasileiros têm assistido a cada dia seus direitos sendo retirados, agravando ainda mais o quadro de instabilidade política e econômica do país. Pesquisa CUT/Vox Populi, divulgada na última semana, mostra que 93% dos entrevistados rejeitam qualquer tipo de mudança nas regras da aposentadoria.

Serviço
Ato contra as contra reformas da Previdência e trabalhistas e a terceirização sem limites
Data:
19 de abril
Hora: Concentração às 10h
Local: Praça do Patriarca, no centro de São Paulo
 

Título: São Paulo terá esquenta da greve geral nesta quarta (19), Conteúdo: Nesta quarta-feira, 19 de abril, movimentos sindical e sociais realizam mais um ato contra os ataques aos direitos dos trabalhadores promovidas pelo governo de Michel Temer (PMDB) e sua base golpista no Congresso Nacional. A ação ocorrerá na Praça do Patriarca, com concentração a partir das 10h, no centro de São Paulo. Organizado pelos movimentos que compõem a Frente Brasil Popular São Paulo – entre eles a CUT-SP-, o ato faz parte da agenda de mobilização e esquenta para a greve geral do próximo dia 28. Pelo Brasil, diversas atividades estão ocorrendo neste mês, batizado de “Abril Vermelho”, em preparação à greve, quando todos os trabalhadores e trabalhadoras cruzarão os braços por 24 horas contra as reformas da Previdência e a trabalhista, além da terceirização sem limites. Desde que o golpe foi consumado, no ano passado, os brasileiros têm assistido a cada dia seus direitos sendo retirados, agravando ainda mais o quadro de instabilidade política e econômica do país. Pesquisa CUT/Vox Populi, divulgada na última semana, mostra que 93% dos entrevistados rejeitam qualquer tipo de mudança nas regras da aposentadoria. Serviço Ato contra as contra reformas da Previdência e trabalhistas e a terceirização sem limites Data: 19 de abrilHora: Concentração às 10hLocal: Praça do Patriarca, no centro de São Paulo  



Informa CUT-SP

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.