Começa nesta quarta-feira, 12, o VIII Congresso da CNQ-CUT

Evento será transmitido ao vivo pela TVT

Escrito por: Confederação Nacional do Ramo Químico da CUT • Publicado em: 11/07/2017 - 18:21 Escrito por: Confederação Nacional do Ramo Químico da CUT Publicado em: 11/07/2017 - 18:21

Divulgação

A Confederação do Ramo Químico da CUT – CNQ realizará seu VIII Congresso nos próximos dias 12, 13 e 14 de julho, no Espaço Hakka, localizado no bairro da Liberdade, em São Paulo. A programação, em sintonia com o momento atual, terá mesas de debates com importantes lideranças políticas e sociais, entre os quais, Jaques Wagner, Guilherme Boulos, Valter Sanches, Renato Rovai e Gilmar Mauro. O evento também marcará os 25 anos da entidade, que inicia agora um processo de transição para CNRQ-CUT, que obteve sua carta sindical em 2015.

“Será um momento de reflexão sobre os enormes desafios que se apresentam aos trabalhadores e trabalhadoras do ramo químico e aos movimentos sindical e social em geral, mas também de celebração dos 25 anos de luta do ramo químico da CUT, organizado em âmbito nacional”, destaca a presidenta da CNQ, Lucineide Varjão.

A organização estima a participação de cerca de 400 pessoas, entre delegações e convidados, além das entidades internacionais parceiras, como IndustriALL Global Union.

“Estamos trabalhando para realizar um congresso expressivo, com delegações de todo o país que terão o compromisso de eleger a nova direção e elaborar o plano de lutas do próximo mandato. E queremos que seja um momento agradável, que toque nossos corações e reforce os laços de solidariedade e companheirismo da classe trabalhadora”, pontua.

As mesas de debate serão transmitidas ao vivo pela TVT e poderão ser acompanhadas pelo website da entidade e pelas redes sociais. O código para transmissão ao vivo estará disponível em breve.

Confira a seguir a programação:

Dia 12 de julho – quarta-feira

Manhã

9h - Abertura

10h - Mesa Conjuntura Política e econômica

Tarde

14h30 – Balanço do Mandato

16h – Mesa Macrossetor Indústria da CUT e agenda de ações

17h – Eleição e Cerimônia de posse da nova direção da CNQ – com lançamento do vídeo CNQ 25 anos

Noite

20h – Coquetel e Jantar de Celebração dos 25 anos da CNQ-CUT

 

Dia 13 de julho – quinta-feira

Manhã

9h - Mesa As Políticas do Governo Temer - Reflexos para a Classe Trabalhadora, com Denise Gentil (UFRJ), ex-ministro Miguel Rosseto, e o Secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado da Bahia e ex-governador baiano Jaques Wagner

Tarde

14h30 – Mesa Formação Sindical, com Rosane Bertoti (CUT) e a educadora Cleoci Machado (Ubuntu)

16h – Mesa Organização do Ramo Químico e Políticas Sindicais em âmbito internacional e nacional, com Valter Sanches (IndustriALL Global Union) e Ari Arolaudo (CUT)

 

Dia 14 de julho – sexta-feira

Manhã

9h – Mesa Comunicação Sindical e Social, com Roni Barbosa (CUT) e Renato Rovai (Revista Fórum)

11h – Mesa Relação Movimento Sindical e Movimentos Sociais, com Guilherme Boulos (MTST), Gilberto Cervinski (MAB) e Gilmar Mauro (MST)

Tarde

14h30 – Plano de Lutas

17h – Ato de encerramento

 

Título: Começa nesta quarta-feira, 12, o VIII Congresso da CNQ-CUT, Conteúdo: A Confederação do Ramo Químico da CUT – CNQ realizará seu VIII Congresso nos próximos dias 12, 13 e 14 de julho, no Espaço Hakka, localizado no bairro da Liberdade, em São Paulo. A programação, em sintonia com o momento atual, terá mesas de debates com importantes lideranças políticas e sociais, entre os quais, Jaques Wagner, Guilherme Boulos, Valter Sanches, Renato Rovai e Gilmar Mauro. O evento também marcará os 25 anos da entidade, que inicia agora um processo de transição para CNRQ-CUT, que obteve sua carta sindical em 2015. “Será um momento de reflexão sobre os enormes desafios que se apresentam aos trabalhadores e trabalhadoras do ramo químico e aos movimentos sindical e social em geral, mas também de celebração dos 25 anos de luta do ramo químico da CUT, organizado em âmbito nacional”, destaca a presidenta da CNQ, Lucineide Varjão. A organização estima a participação de cerca de 400 pessoas, entre delegações e convidados, além das entidades internacionais parceiras, como IndustriALL Global Union. “Estamos trabalhando para realizar um congresso expressivo, com delegações de todo o país que terão o compromisso de eleger a nova direção e elaborar o plano de lutas do próximo mandato. E queremos que seja um momento agradável, que toque nossos corações e reforce os laços de solidariedade e companheirismo da classe trabalhadora”, pontua. As mesas de debate serão transmitidas ao vivo pela TVT e poderão ser acompanhadas pelo website da entidade e pelas redes sociais. O código para transmissão ao vivo estará disponível em breve. Confira a seguir a programação: Dia 12 de julho – quarta-feira Manhã 9h - Abertura 10h - Mesa Conjuntura Política e econômica Tarde 14h30 – Balanço do Mandato 16h – Mesa Macrossetor Indústria da CUT e agenda de ações 17h – Eleição e Cerimônia de posse da nova direção da CNQ – com lançamento do vídeo CNQ 25 anos Noite 20h – Coquetel e Jantar de Celebração dos 25 anos da CNQ-CUT   Dia 13 de julho – quinta-feira Manhã 9h - Mesa As Políticas do Governo Temer - Reflexos para a Classe Trabalhadora, com Denise Gentil (UFRJ), ex-ministro Miguel Rosseto, e o Secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado da Bahia e ex-governador baiano Jaques Wagner Tarde 14h30 – Mesa Formação Sindical, com Rosane Bertoti (CUT) e a educadora Cleoci Machado (Ubuntu) 16h – Mesa Organização do Ramo Químico e Políticas Sindicais em âmbito internacional e nacional, com Valter Sanches (IndustriALL Global Union) e Ari Arolaudo (CUT)   Dia 14 de julho – sexta-feira Manhã 9h – Mesa Comunicação Sindical e Social, com Roni Barbosa (CUT) e Renato Rovai (Revista Fórum) 11h – Mesa Relação Movimento Sindical e Movimentos Sociais, com Guilherme Boulos (MTST), Gilberto Cervinski (MAB) e Gilmar Mauro (MST) Tarde 14h30 – Plano de Lutas 17h – Ato de encerramento  



Informa CUT-SP

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.