CMP denuncia ao Conar propagada do governo Temer e prepara ação judicial contra o uso de imagem

Entidade pede suspensão imediata da peça publicitária

Escrito por: Divulgação • Publicado em: 18/05/2017 - 11:10 Escrito por: Divulgação Publicado em: 18/05/2017 - 11:10

Reprodução

A CMP (Central de Movimentos Populares), protocolou na segunda (15) uma reclamação no Conar (Conselho Nacional de Autorregulação Publicitária) requerendo que o órgão abra processo com vista a suspender a propaganda oficial do governo federal sobre a Reforma da Previdência. A peça publicitária de Temer usa imagem da entidade sem autorização ou consentimento, o que caracteriza crime por uso indevido de imagem.

Além dessa medida administrativa, a CMP informa também que irá protocolar uma ação judicial com pedido de liminar de suspensão imediata da propaganda, além de pedir a condenação por danos morais por uso indevido de imagem. Raimundo Bonfim, coordenador da CMP, afirma estar indignado com o uso da imagem da entidade na propaganda do governo em prol da Reforma da Previdência. "Tomaremos todas as medidas para processar o ilegítimo governo Temer e impedir esse absurdo".

A entidade é contra a Reforma da Previdência e tem sido protagonista nos protestos contra as mudanças apresentadas pelo governo Temer.

Título: CMP denuncia ao Conar propagada do governo Temer e prepara ação judicial contra o uso de imagem, Conteúdo: A CMP (Central de Movimentos Populares), protocolou na segunda (15) uma reclamação no Conar (Conselho Nacional de Autorregulação Publicitária) requerendo que o órgão abra processo com vista a suspender a propaganda oficial do governo federal sobre a Reforma da Previdência. A peça publicitária de Temer usa imagem da entidade sem autorização ou consentimento, o que caracteriza crime por uso indevido de imagem. Além dessa medida administrativa, a CMP informa também que irá protocolar uma ação judicial com pedido de liminar de suspensão imediata da propaganda, além de pedir a condenação por danos morais por uso indevido de imagem. Raimundo Bonfim, coordenador da CMP, afirma estar indignado com o uso da imagem da entidade na propaganda do governo em prol da Reforma da Previdência. Tomaremos todas as medidas para processar o ilegítimo governo Temer e impedir esse absurdo. A entidade é contra a Reforma da Previdência e tem sido protagonista nos protestos contra as mudanças apresentadas pelo governo Temer.



Informa CUT-SP

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.