Bancos ficaram fechados até às 11h no centro de Campinas, no Dia do Basta

A participação da categoria no Dia do Basta foi referendada em assembleia

Escrito por: Sindicato dos Bancários de Campinas • Publicado em: 10/08/2018 - 16:08 Escrito por: Sindicato dos Bancários de Campinas Publicado em: 10/08/2018 - 16:08

Divulgação

O Dia do Basta, neste 10 de agosto, nos bancos foi marcado com paralisação dos serviços em agências do Itaú, Bradesco, Santander, Banco do Brasil e Caixa Federal, instaladas na Avenida Francisco Glicério, centro de Campinas, no período das 8h às 11h. Durante a jornada de luta os diretores do Sindicato debateram com os bancários o processo de negociação da Campanha Nacional e distribuíram de carta aberta. (clique)

A participação da categoria no Dia do Basta foi referendada em assembleia realizada no Sindicato no último dia 8, quando os bancários rejeitaram a proposta de reajuste salarial da Fenaban. O Dia foi aprovado pela 20ª Conferência Nacional dos Bancários, realizada entre os dias 8 e 10 de junho em São Paulo.

Convocado pelas centrais sindicais CGTB, CSB, CSP Conlutas, CTB, CUT, Força Sindical, Intersindical, NCST e UGT, o Dia Nacional de Mobilização teve como bandeiras de luta a defesa do emprego, dos direitos trabalhistas e da aposentadoria. Em Campinas, outras categorias também participaram do Dia do Basta e as centrais realizaram passeata no centro da cidade.

Título: Bancos ficaram fechados até às 11h no centro de Campinas, no Dia do Basta, Conteúdo: O Dia do Basta, neste 10 de agosto, nos bancos foi marcado com paralisação dos serviços em agências do Itaú, Bradesco, Santander, Banco do Brasil e Caixa Federal, instaladas na Avenida Francisco Glicério, centro de Campinas, no período das 8h às 11h. Durante a jornada de luta os diretores do Sindicato debateram com os bancários o processo de negociação da Campanha Nacional e distribuíram de carta aberta. (clique) A participação da categoria no Dia do Basta foi referendada em assembleia realizada no Sindicato no último dia 8, quando os bancários rejeitaram a proposta de reajuste salarial da Fenaban. O Dia foi aprovado pela 20ª Conferência Nacional dos Bancários, realizada entre os dias 8 e 10 de junho em São Paulo. Convocado pelas centrais sindicais CGTB, CSB, CSP Conlutas, CTB, CUT, Força Sindical, Intersindical, NCST e UGT, o Dia Nacional de Mobilização teve como bandeiras de luta a defesa do emprego, dos direitos trabalhistas e da aposentadoria. Em Campinas, outras categorias também participaram do Dia do Basta e as centrais realizaram passeata no centro da cidade.