Twitter Facebook YouTube

CUT SP > SECRETARIA GERAL

Secretaria Geral

João Cayres 

Iniciou a carreira na Ford como estagiário técnico eletrônico (trainee). Foi efetivado em 1988 e é funcionário da empresa desde então.

Começou a militância sindical em 1990, após a participação da greve de 52 dias na planta da Ford de São Bernardo do Campo, a chamada greve dos “golas vermelhas”.

Em 1995, foi eleito para CIPA, representando os trabalhadores, sendo reeleito em 1996. Passou por vários cursos de formação sindical realizado pelo Sindicato dos Metalúrgicos do ABC e também pelo Dieese. Em 1999 foi eleito para a direção do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, no Comitê Sindical de Empresa (CSE).

Em 2002, foi eleito para o Sistema Único de Representação (SUR) dos Trabalhadores na Ford, sendo seu coordenador e depois Secretário, atuando também como representante na área Administrativa.

Em 2005, foi eleito para a direção nacional do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Sócios Econômicos), assumindo a função de vice-presidente. Em 2007, foi eleito presidente nacional do Dieese (2007-2008) e, na sequência, secretário Geral (2009-2010). Depois, passou a integrar a direção executiva nacional da instituição, representando os metalúrgicos do ABC, cargo que ocupou até 2012.

Em dezembro de 2009, em plenária estatutária, foi eleito secretário Geral da Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT.

Em maio de 2011, foi reconduzido ao cargo de Secretário Geral, em eleição no 8º Congresso Nacional dos Metalúrgicos da CUT. Em novembro de 2012, assumiu também a Secretaria de Relações Internacionais e, em julho de 2012, passou a ocupar um assento no Comitê Executivo da IndustriAll Global Union, Federação internacional de trabalhadores dos Ramo Metalúrgico, Químico e Têxtil, que representa 50 milhões de trabalhadores em 140 países.

Em 2015, foi reeleito para o cargo de secretário Geral da CNM/CUT.

Em setembro de 2015 foi eleito secretário Geral da CUT/SP.

João Cayres estudou Economia na Faculdade de Ciências Econômicas da Fundação Santo André, onde teve participação ativa no movimento estudantil, sendo presidente do Centro Acadêmico por duas gestões.

Cursou extensão universitária em Economia do Trabalho na Universidade Estadual de Campinas – Unicamp –SP.

Cursou extensão universitária em Políticas Públicas na Universidade Federal de São Carlos – SP.

Cursou um ano e meio o curso de Ciências do Trabalho da Faculdade Dieese.

Das direções executivas e suas atribuições na CUT São Paulo 

Art. 42. São atribuições dos membros efetivos da executiva da direção estadual:

III - compete ao secretário-Geral:

a) garantir a aplicação dos direitos, deveres e sanções aos filiados em seu âmbito;

b) organizar as reuniões da executiva, da direção, da plenária e do congresso estadual;

c) encaminhar as resoluções das instâncias nacionais e estaduais, acompanhar sua aplicação e organizar as atividades deliberadas.

d) elaborar planos gerais integrados e coordenar as atividades do conjunto das secretarias nos seus respectivos âmbitos;

e) organizar e administrar o arquivo geral, as atas e documentos legais e a agenda das atividades estaduais.

Além das atribuições estatutárias, representa a CUT/SP na Coordenação dos Movimentos Sociais e nos Conselhos Sindical da DRT/SP, (Capital e Conselho Estadual), sendo responsável pela intervenção cutista nestes fóruns.

Contato: sgeral@cutsp.org.br

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

RÁDIO CUT

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DE SÃO PAULO
Rua Caetano Pinto, 575 - 2º andar - Brás - São Paulo - CEP: 03041-000
E-mail: imprensa@cutsp.org.br - Tel.: (11) 3330-2065 / 2108-9167 - Fax: (11) 3203.0886

CUT São Paulo - Copyleft.
É permitida a reprodução, integral ou parcial do conteúdo (áudios, imagens e textos),
desde que citados o nome do autor e da fonte